O País – A verdade como notícia

Novabase apresenta tecnologias capazes de dinamizar serviços públicos

Os serviços públicos podem ser prestados com maior eficácia e eficiência caso sejam utilizadas as novas tecnologias de informação e comunicação. Os profissionais da empresa de tecnologias Novabase Moçambique propõem-se a desenvolver, por exemplo, ferramentas tecnológicas que podem facilitar a vida dos utentes dos transportes de passageiros. Com uma aplicação no telemóvel, o passageiro pode adquirir bilhetes, apenas aproximando o aparelho a uma máquina reconhecedora do dispositivo, a ser instalada no interior do autocarro ou nas paragens. É uma inovação que pode flexibilizar as viagens, minimizar os problemas de trocos e proporcionar mais segurança aos passageiros.

Trata-se de uma inovação que será apresentada na 4ª edição da maior feira tecnológica de Moçambique, a Moztech, a ser realizada nos dias 24, 25 e 26 de Maio.

Mas não será a única novidade. A Novabase Moçambique também vai apresentar uma nova tecnologia que pode ser usada nas escolas para facilitar a aprendizagem. Esta permite que os alunos de uma ou várias escolas interajam, trocando informações através de uma solução tecnológica. É uma tecnologia que ainda não é usada no país, mas a empresa diz que pode fornecer.

E para o sector de energia, vai expor uma experiência com a rede elétrica inteligente chamada SmartGrids, que permite melhorar a gestão do consumo de energia. Depois de instalada num poste de transmissão de energia eléctrica, pode permitir, por exemplo, a empresa pública Electricidade de Moçambique controlar os níveis de consumo de energia, a qualidade e quem está ou não a consumir energia eléctrica, para depois aumentar a qualidade, se necessário e fiscalizar os níveis de consumo.
O director-geral da Novabase, Nelson Teodoro, diz ainda que, nas discussões deste ano, a empresa vai partilhar soluções que agilizem o ambiente de negócios e que facilitem a interacção das pessoas.

Desde a sua chegada no país, em 2013, a Novabase tem participado em projectos que tendem a acelerar o desenvolvimento do país como o e-Gov (Governo Electrónico), Portal do Contribuinte e está, neste momento, a trabalhar com o Instituto Nacional de Estatística (INE) nos censos da população, além de ter desenvolvido a Novabase Academy, um projecto que já capacitou mais de 100 recém-licenciados.
O director geral da Novabase Moçambique defende que as tecnologias podem ajudar as empresas nacionais a terem visibilidade no estrangeiro. Nesse raciocínio, Nelson Teodoro considera que Moztech é o espaço ideal para a promoção da tecnologia. Moçambique é, independentemente do impasse dos últimos tempos, um país com um enorme potencial de crescimento, considera o director-geral da Novabase.
“Eventos da grandeza da Moztech têm influência de diferentes formas: posiciona Moçambique no mapa da África Austral; atrai investimento de parceiros estratégicos; promove o empreendedorismo; estimula o desenvolvimento do país ao elevar a reflexão e ao apresentar soluções que servem as necessidades do país e; acima de tudo, destaca o papel que a tecnologia pode ter felicidade dos Moçambicanos”, acrescenta o director geral da Novabase.

A Novabase está associada à MozTech desde a primeira edição, e, faz um balanço muito positivo da iniciativa, por ter melhorado a relação da empresa de tecnologias com seus clientes, o público em geral e seus parceiros.

 

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos