O País – A verdade como notícia

Negócio das comunicações cresceu 13% no 1º semestre de 2020

O volume de negócio das comunicações (telecomunicações e correios) em Moçambique registou um crescimento de cerca de 13%, nos primeiros seis meses deste ano, quando comparado com igual período do ano passado.

Segundo o balanço preliminar do sector, divulgado esta quinta-feira, pelo Ministério dos Transportes e Comunicações (MTC), este indicador resulta do aumento da procura dos serviços de telecomunicações, viabilizado pela melhoria da qualidade e expansão da rede.

“Contribuiu igualmente para estes resultados, o aumento do trabalho remoto que caracteriza o período de emergência imposto pela pandemia da COVID-19”, explica o MTC.

Moçambique conta com uma rede de telefonia móvel (2G e 3G) que une todos os distritos, prosseguindo para os postos administrativos (90%) e localidades (60%). Todas as capitais províncias estão cobertas com os serviços de 4ª Geração (4G), sendo a aposta a expansão dos serviços de 4ª geração de telecomunicações para cobrir todas as sedes distritais e 50% dos postos administrativos, até 2024.

O Programa Quinquenal do Governo (PQG)- 2020/2024 prevê ainda a implementação dos serviços de 5G de telecomunicações nas capitais provinciais.

No ramo postal, o crescimento registado foi impulsionado pelo aumento da procura destes serviços, estando perspectivado, para o presente quinquénio, implementar o endereçamento postal nas cidades de Maputo, Beira, Quelimane, Nampula e Nacala.

Refira-se, que para além da expansão da rede de telecomunicações e consolidação dos serviços postais, o sector está a implementar vários projectos com destaque para a migração de radiodifusão analógica para a digital, provisão dos serviços de televisão via satélite para 500 aldeias moçambicanas, acessibilidade de internet (praças digitais), entre outras iniciativas.

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos