O País – A verdade como notícia

Muçulmanos celebram fim do Ramadan com apelos para cumprimento das medidas de prevenção contra a COVID-19

Os muçulmanos apelam a todos moçambicanos a respeitarem rigorosamente as medidas de prevenção contra o novo coronavírus. Falando hoje, durante a celebração do Eid Al Fitre, o Sheik Saide Abibo pediu ainda para que todos façam  esforços para acabar com a pandemia no mundo.

 

Num contexto de vigência de Estado de Emergência no país, que proíbe a concentração de pessoas em espaços públicos, muçulmanos assinalam este domingo o fim do Ramadan.  

Seguindo as restrições impostas pelo decreto presidencial, devido à Covid-19, a oração foi celebrada num ambiente diferente do tradicional com observância do distanciamento social e transmissão pela Stv.

E, porque este período religioso de partilha, generosidade e encontro familiar é celebrado num período em que aumentam o número de casos do novo coronavírus, a principal mensagem incidiu para o reforço das medidas de prevenção.

Os muçulmanos reforçaram, igualmente, o pedido para o fim da pandemia em todo o mundo e que prosperidade seja uma realidade.

O Ramadan é o mês sagrado para os muçulmanos porque foi durante este período que o profeta Maomé recebeu as primeiras revelações do Alcorão.

 

 

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos