O País – A verdade como notícia

Moza Banco reporta prejuízos de 768.4 milhões de meticais em 2018

Os accionistas do Moza Banco têm razões para sorrir. Em meio a restruturação que tem sido alvo desde 2017, a instituição já apresenta resultados financeiros animadores.

A título ilustrativo, o volume de negócios do Moza Banco registou um crescimento na ordem de 29 por cento, para 46.7 biliões de meticais em 2018, comparativamente ao exercício económico do ano anterior, que fixara-se nos cerca de 36.1 biliões de meticais.

A carteira de clientes aumentou em 16 por cento, atingindo 134.987 em 2018, contra perto de 116 mil clientes em 2017, indica o Relatório e Contas da instituição, consultado pela STV.

Contudo, os resultados líquidos do Moza Banco apontam para prejuízos no valor cerca de 768.4 milhões de meticais, abaixo de 1.4 bilião de meticais, registado em 2017, reflectindo, deste modo, uma melhoria de 47 por cento.

Os accionistas deste banco associam a evolução positiva dos resultados de 2018, ao acréscimo das comissões líquidas decorrentes de prestação de serviços bancários, e por outro lado, pelo registo de menores custos com imparidade de crédito.

Já o passivo do banco aumentou para cerca de 27.3 biliões de meticais, contra 19.4 biliões de meticais de 2017, com o rácio de solvabilidade a fixar-se nos 21,70 por cento, muito acima do recomendado pelo Banco de Moçambique, que é de 12 por cento.

 

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos