O País – A verdade como notícia

Moçambique pode ser maior produtor de electricidade através de gás

A central eléctrica Gigawatt poderá investir até 700 milhões de dólares na expansão da produção de energia eléctrica, o que poderá tornar Moçambique o maior produtor de energia através do gás natural.
Os 700 milhões de dólares representam mais do que o triplo do que foi investido na instalação da Gigawatt em Ressano Garcia, estimado em 200 milhões de dólares. A efectivar-se, o investimento vai ampliar a actual capacidade, de 120 para 350 megawatts por ano, o que por sua vez deve exigir a triplicação da mão-de-obra da empresa.
“Os 350 megawatts que deveremos produzir aqui, mais os 174 megawatts produzidos pela CTRG, mais alguma energia da Grecco que está aqui ao nosso lado, isso vai tornar-nos um dos maiores centros produtores da SADC (Comunidade para o Desenvolvimento dos Países da África Austral) que produz energia com base em gás natural”, revelou Nazário Meguigy, director de operações da Gigawatt.
Mas, para já, por causa da crise económica que o país atravessa, a empresa deve ampliar a produção em 60 megawatts, avaliados em cerca de 120 milhões de dólares.
Dos 120 megawatts que a empresa Gigawatt produz actualmente, 100 são fornecidos à rede nacional, através da Electricidade de Moçambique (EDM), e os restantes 20 vão à reserva e para a manutenção dos equipamentos da empresa.

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos