O País – A verdade como notícia

Moçambicanos na RSA terão documentação regularizada

Uma delegação da Direcção Nacional de Identificação Civil desloca-se, hoje, à África do Sul para a regularizar a situação de moçambicanos que se encontram com documentos expirados, para evitar repatriamentos massivos.

Quinta-feira última, o Serviço Nacional de Migração (SENAMI) anunciou que mais de trinta mil moçambicanos foram deportados da África do Sul, durante os primeiros nove meses deste ano devido a caducidade da sua documentação.

Para evitar este cenário, o SENAMI enviará uma delegação à terra do rand que irá trabalhar durante 30 dias, com a missão de trabalhar com os moçambicanos que se encontram sem documentos ou com documentos fora do prazo.

O SENAMI diz que esta iniciativa não é a primeira e que mesma irá continuar até regularizar a situação documental de moçambicanos residentes na vizinha África do Sul.

As brigadas móveis na África do Sul irão trabalhar em Johannesburg, Pretória e Mpumalanga, onde os moçambicanos deverão obter ou renovar os seus documentos.

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos