O País – A verdade como notícia

Millennim bim disponiliza três biliões de meticais para as indústrias

O Millennium bim disponibilizou uma linha de crédito no valor de três biliões de meticais, esta terça-feira, para promoção da industrialização no país. O acordo de financiamento foi rubricado com a Associação Industrial de Moçambique (AIMO) e prevê taxas bonificadas por um período de um ano.

“Convidamos outras instituições financeiras a compreender que estas parcerias são necessárias e não só ficar a espera daquilo que vão ser os resultados”, disse o ministro da Indústria e Comércio, Carlos Mesquita, acrescentando que o pacote financeiro do Millennium bim vai contribuir para alavancar a indústria nacional.

Porém, o governante aproveitou a ocasião para desafiar o sector industrial a acabar com as importações, dando exemplo do papel higiênico, onde o país chega a gastar 30 milhões de dólares por ano.

Já o administrador do Millennium bim, Moisés Jorge, indicou que o apoio da instituição surge numa altura em que as empresas pespectivam um futuro incerto e de escassez de oportunidades de negócio fruto dos efeitos colaterais da pandemia da COVID-19.

“Este financiamento reforça o compromisso do bim em continuar a apoiar o nosso tecido empresarial, estabelecendo parcerias que incentivam o crescimento sustentável das Pequenas e Médias Empresas nacionais”, anotou Moisés Jorge.

Por seu turno, o presidente da AIMO, Rogério Samo Gudo, considerou que a parceria com o Millennium bim serve como “espinha dorsal” do compromisso de potenciar o sector produtivo, abrindo espaço para que as indústrias tenham uma alternativa segura para as suas operações.

Contudo, e visando a revitalização da indústria moçambicana, os empresários do sector defenderam que são necessárias mais reformas, com destaque para o Imposto sobre Consumo e a Pauta Aduaneira.

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos