O País – A verdade como notícia

Milhares de húngaros marcharam pelas ruas de Budapeste

Viktor Orbán (direita) está “a guiar a nação na direção de Moscovo”, afirmou András Fekete-Gy?r, líder do recém-criado Momentum, o partido da oposição que convocou o protesto. “Em vez de escolher como exemplo para o nosso país a Europa rica, moderna e livre, ele elege a Rússia pobre, oprimida e subdesenvolvida.”

Fundado em março de 2017, o Momentum foi o motor de uma petição assinada por mais de 250 mil pessoas exigindo a realização de um referendo sobre a candidatura de Budapeste aos Jogos Olímpicos de 2024 — a petição produziu efeitos e a Hungria abandonou a corrida olímpica. O Momentum já anunciou que vai concorrer às eleições legislativas de abril de 2018.

 

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos