O País – A verdade como notícia

MASA quer envolver sector privado na comercialização de produtos agrícolas

O Ministério da Agricultura e Segurança Alimentar (MASA) quer envolver mais actores no sector agrícola para garantir armazenamento do excedente no momento de “pico” da produção.

Um dos maiores constrangimentos deste sector é a dificuldade por parte dos agricultores de comercializar os seus produtos no mercado nacional e internacional.  

No entanto, o Director Nacional adjunto/Planificação e Cooperação Internacional, Jeremias Chaúque diz que já está a trabalhar em parceria com o sector privado para encontrar mais soluções viáveis. Para Chaúque, “a comercialização continua sendo um desafio principalmente com o aumento da produção”, porém “estamos a envolver o sector privado para que nos momentos de pico, haja condições de armazenamento do produto”, porque “quando há grande produção, baixa o preço do produto, o produtor deve ter capacidade de armazenar, para que no momento favorável possa comercializar a um preço melhor”.

São declarações feitas nesta quinta-feira à margem da reunião técnica da Plataforma de Pesquisa de Políticas Agrárias de Moçambique, o objectivo é averiguar o ponto de situação da implementação das recomendações de Malabo.

A Plataforma de Pesquisa de Políticas Agrárias de Moçambique é um órgão de consulta do Ministério da Agricultura e Segurança Alimentar, que engloba instituições do Governo, Sociedade Civil e o Sector Privado e reúne duas vezes por ano para medir o pulsar do sector.

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos