O País – A verdade como notícia

Maputo conhece “Portugueses do Soho”

Já passou por vários países. Finalmente, o filme “Portugueses do Soho” será exibido no Cinema Scala, em Maputp, a partir das 18h.

O documentário “Portugueses do Soho – Uma história que mudou a geografia” é um filme de Ana Miranda com a produção do Arte Institute que conta a história dos emigrantes portugueses que chegaram ao Soho após a segunda Guerra Mundial. Através de sua história, descobrimos a história deste bairro, bem no coração de Manhattan e da cidade de Nova York. Este documentário visa ser a voz e o registo inédito da vida destes portugueses, dando a conhecer a portugueses e americanos uma presença desconhecida por muitos.

A banda sonora do filme é da autoria da cantora Rita RedShoes e o escritor José Luís Peixoto foi o autor dos textos do filme e o narrador dos mesmos.

A realizadora do filme Ana Ventura Miranda estará presente na exibição. Em seis anos de existência, o Arte Institute já promoveu mais de 700 artistas e apresentou eventos em 57 cidades de 24 países, nos cinco continentes. “Organizamos até agora 307 eventos em todo o mundo”, refere o comunicado enviado à nossa Redacção.

Portugueses do Soho é exibido pelo NYPSFF

O NY Portuguese Short Film Festival (NYPSFF), organizado pela primeira vez em Junho de 2011, foi o primeiro festival de curtas-metragens portuguesas nos Estados Unidos. O Festival mostra o trabalho da nova geração de jovens realizadores portugueses. Ao organizar o Festival anualmente, em vários países, o Arte Institute pretende ampliar e conquistar novos públicos para o cinema português, em todo o mundo.

A Directora do Arte Institute, organização responsável pelo Festival, afirma que “O NY Portuguese Short Film Festival tem sido uma grande montra para o cinema contemporâneo português e tem aberto portas aos novos realizadores nacionais em termos de promoção e divulgação das suas curtas-metragens até mesmo para participarem noutros festivais internacionais“.

O NY Portuguese Short Film Festival já passou por todos os continentes, 21 países e 44 cidades: Nova Iorque, New Bedford, São Francisco, Sausalito, Berkeley, Providence e Rhode Island nos Estados Unidos; Lisboa, Porto e Cascais em Portugal; Rio de Janeiro, São Paulo e Brasília no Brasil; Sidney na Austrália; Joanesburgo na África do Sul; Luanda em Angola; Berlim na Alemanha; Vancouver, Toronto, Ottawa, Montreal e Kingston no Canadá; Macau na República Popular da China; Paris em França, Malabo na Guiné Equatorial; Nova Deli, Chennai, Ahmedabad, Goa, Calcutá e Chandigarh na Índia; Nairobi no Quénia; Maputo em Moçambique; Varsóvia, Cracóvia, Poznan, Wroclaw e Lublin na Polónia; Brno na República Checa; Londres no Reino Unido; Szeged na Hungria, Bucareste na Roménia, Dacar no Senegal e Banguecoque na Tailândia.

As curtas-metragens foram seleccionadas e submetidas à apreciação de um Júri composto por figuras do meio cinematográfico Português, Brasileiro e Americano; como Rúben Alves (Realizador), Márcio Miranda Perez (Festival Internacional de Curtas Metragens de São Paulo) e Don Cato (Realizador).

 

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos