O País – A verdade como notícia

Mambas prometem CAN 11 anos depois

Equipa técnica e jogadores dos Mambas prometem fazer de tudo para vencer o jogo, desta terça-feira, diante de Cabo Verde e voltar a uma fase final do CAN, 11 anos depois.

As contas de qualificação ao CAN Camarões 2021 são claras, mas difíceis. Primeiro, para chegar aos Camarões, os Mambas terão de vencer o derradeiro embate diante do Cabo Verde e esperar que Ruanda perca ou empate diante dos Camarões, em Douala.

Assim, Moçambique passaria a somar sete pontos, os mesmos que Cabo Verde, no entanto o combinado nacional levaria vantagem no confronto directo por conta do empate tirado fora de portas, na primeira volta, a duas bolas. E em caso de empate entre Camarões e Ruanda, a selecção da terra de Paul Kagamé somaria seis pontos. É de resto, um cenário complicado, mas não impossível, por isso Luís Gonçalves vai até ao último suspiro.

“Ainda estamos vivos. Continuamos ambiciosos e, no fim, vamos fazer as contas. Não vale a pena fazer as contas agora. O futebol é assim, as contas sempre são feitas no fim. Tivemos uma fase complicada, mas isso não é desculpa nenhuma, porque as outras selecções podem também ter passado dificuldades”, analisou o técnico luso-moçambicano e deixou uma promessa: “este é um jogo de tudo ou nada. Será o jogo que todos os moçambicanos querem, a vitória”.

Luís Gonçalves, ainda que não de forma categórica, deixou ficar que alguma coisa corre ou correu mal nos Mambas, apelando que se confie nos seus jogadores.

“Nós somos profissionais, somos patriotas. Passamos por muita coisa, mas sempre os jogadores se mantiveram calados. Queremos pedir apoio de todos, acreditem nesta equipa que vai lutar até ao fim. Sabemos que não dependemos de nós, mas cada um de nós vai empreender o seu esforço”.

O boletim clínico dos Mambas é limpo, com a excepção de Nené a contas com algumas mazelas. A este bom quadro clínico junta-se Kamo Kamo, ausente no jogo contra Ruanda, que, de terras lusas, vem com a lição estudada e já focado.

“É um jogo importante para todos, por isso o que nos interessa é só ganhar”.

Quem quer ganhar é também Sidique que diz que o estágio na casa militar em nada abalou a selecção.

“O grupo está animado. Queremos que às 23h desta terça-feira, o povo moçambicano comemore a qualificação ao CAN dos Camarões”.

Moçambique vs Cabo Verde realiza-se esta terça-feira no Estádio Nacional de Zimpeto, às 21, mesma hora do jogo entre Camarões e Ruanda.

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos