O País – A verdade como notícia

Mambas já correm a pensar nos Camarões

A selecção nacional de futebol, os Mambas, iniciou esta quarta-feira os trabalhos de preparação com vista ao duplo embate diante dos Camarões, de qualificação ao CAN 2022. Na primeira sessão foram apenas dez jogadores que estiveram às ordens de Luís Gonçalves, esperando-se ainda a chegada de mais dois, até sexta-feira

Esta quarta-feira, no campo da Liga Desportiva de Maputo, Luís Gonçalves e mais dez jogadores arrancaram com os trabalhos de preparação, depois da realização dos testes de Covid-19, no passado domingo.

O seleccionador nacional esteve no campo com os três guarda-redes convocados, Guirrugo, da União Desportiva de Songo, Franque, do Ferroviário de Maputo, e Victor, do Costa do Sol, para além dos defesas Bhéu e Sidique, ambos da União Desportiva de Songo, e Salomão, do Costa do Sol, este último chamado à última hora.

Estiveram presentes ainda os médios Nené, do Costa do Sol, Telinho, da União Desportiva de Songo, e Kito, do Ferroviário de Maputo, e ainda Domingues, capitão dos Mambas que ainda não tem clube, e encontrava-se a treinar da Associação Black Bulls.

Os primeiros treinos dos Mambas são, essencialmente, de recuperação físico e primeiro contacto com a bola, uma vez que só são os jogadores que actuam internamente que estão às ordens de luís Gonçalves e seus adjuntos.

A partir desta quinta-feira espera-se a integração do internacional moçambicano ao serviço do Sporting TS, Chico, enquanto Kambala só é esperado na sexta-feira para se juntar aos colegas. Aliás, os moçambicanos a actuarem na África do Sul chegam mais cedo devido a paragem do campeonato local, no final de semana, uma vez que realizou a jornada de forma antecipada, esta terça e quarta-feiras.

Assim, os Mambas vão poder treinar com todo conjunto que actua no continente africano no sábado e domingo, uma vez que segunda-feira, 9 de Novembro, partem para Douala, nos Camarões, num voo charter, onde vão se juntar aos jogadores que vem da Europa e Ásia, nomeadamente Zainadine, Bonera, Reinildo, Kamo-Kamo, Geny Catamo, Clésio, Reginaldo, Rafito, Witi e Amâncio. Dúvidas residem ainda em relação a chegada de Luís Miquissone aos Mambas, nomeadamente se segue junto com os restantes, no voo charter, ou parte directamente para Douala.

Os Mambas realizam sessões matinais esta quinta e sexta-feiras, no campo da Liga Desportiva de Maputo, na Matola.

SIMÃO MATE É BAIXA CONFIRMADA

Da convocatória de Luís Gonçalves para este duplo embate diante dos Camarões, um dos nomes mais sonantes era o regresso de Simão Mate aos Mambas, uma aposta ora defraudada, tendo em conta que o atleta já não vem representar Moçambique.

De acordo com o comunicado da Federação Moçambicana de Futebol, o Vegalta Sendai do Japão, clube onde actua o central moçambicano Simão Mate, enviou uma carta a informar que o atleta não irá se juntar ao conjunto moçambicano, referindo-se a decisão de permanência do jogador em competição na J-League, a principal prova futebolística do Japão, até 19 de Dezembro, data do fecho da temporada.

O Vegalta Sendai ocupa, a esta altura, última posição, com apenas 14 pontos, em 25 jornadas, lutando pela permanência, devendo para tal vencer as partidas que tem pela frente, por forma a suplantar seus adversários mais próximos, nomeadamente Shimizu (17º com 17 pontos), Shonan (16º com 17 pontos), Sagan Tosu (15º com 22 pontos), para evitar a despromoção.

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos