O País – A verdade como notícia

Mambas e Tubarões no jogo de tira-teimas

É já esta tarde, quando forem 16 horas de Maputo, que os Mambas e os Tubarões Azuis se defrontam, em Portugal, Massamá, em jogo de carácter amigável, de preparação para os compromissos internacionais que terão nos próximos meses.

Este é, de resto, o terceiro jogo entre as duas selecções, que se defrontaram anteriormente em Outubro de 2014, para a qualificação ao CAN-2015, tendo dividido vitórias entre si. Para a terceira jornada do grupo “F” de qualificação à fase final do Campeonato Africano das Nações, organizado pela Guiné Equatorial, Moçambique venceu, no Estádio da Machava, por duas bolas sem resposta, com golos de Kito e Reginaldo, num jogo disputado a 11 de Outubro de 2014. Cinco dias depois, Heldon marcou o golo da desforra, na Praia, capital cabo-verdiana, para a quarta jornada da mesma competição.

As duas selecções eram orientadas por técnicos diferentes dos actuais, nomeadamente João Chissano para os Mambas e Rui Águas para os Tubarões Azuis. Na altura, Lúcio Antunes era seleccionador-adjunto do Cabo Verde.

Mambas na máxima força

Depois da integração de Witi e Bhéu, domingo, os Mambas treinaram ontem, segunda-feira, com todo o esquadrão convocado para este embate, abrindo todas as possibilidades e escolhas para Abel Xavier e seus pares. Únicas ausências dos Mambas são, mesmo, Dominguez e Malembane, lesionados, bem como os jogadores dos Ferroviários de Maputo e Beira, que não foram convocados devido ao jogo em atraso do Moçambola ZAP, marcado para esta quarta-feira. Assim, Abel Xavier tem à sua disposição todos os convocados para poder fazer as melhores escolhas para o embate desta tarde.

Entretanto, Cabo Verde, que está na fase de qualificação ao Mundial de 2018, vai para este embate com orgulho ferido, depois de ter sofrido uma derrota caseira diante do Senegal, por duas bolas sem resposta, resultado que compromete suas aspirações de chegar à Rússia em 2018. Ainda assim, Lúcio Antunes pretende usar este jogo diante dos Mambas para preparar a última e decisiva jornada de qualificação ao mundial de 2018, marcada para Novembro próximo, diante do Burquina Faso.

Os Mambas, esses, preparam a dupla jornada de Março próximo, diante da Guiné-Bissau e Namíbia, de qualificação ao CAN-2019.

O jogo entre Moçambique e Cabo Verde, que inicia às 16h00 de Maputo, será ajuizado por um quarteto português, nomeadamente João Capela (principal), Ricardo Santos (primeiro assistente), Luís André Campos (segundo assistente) e Hugo Miguel (quarto árbitro).

Lauking pode estrear-se pelos Mambas hoje

O ponta de lança do Desportivo de Nacala, Lauking, pode estreiar-se pelos Mambas esta terça-feira, no jogo entre as selecções de Moçambique e Cabo Verde. Lauking foi convocado pela primeira vez e diz estar satisfeito com a chamada.

As suas boas exibições no Moçambola ZAP deixaram impressionado o seleccionador nacional, Abel Xavier, que optou por chamar o jovem e talentoso jogador aos Mambas. Na altura da sua chamada, Abel Xavier disse tratar-se de um jogador “que há muito vem sendo seguido” e que esta chamada é mesmo para poder mostrar o que mais sabe fazer em termos de futebol. Lauking está com os outros jogadores no estágio que a selecção está a fazer em Portugal. 

Lauking, que entra pela primeira vez no espaço da selecção nacional, diz sentir-se motivado a dar seu contributo pela equipa de todos nós. “Estou feliz em estar aqui. É sonho de qualquer jogador representar o seu país e eu estou bastante feliz, espero poder ajudar a selecção nacional”, referiu em entrevista concedida em Portugal.

Denominado o novo Tico-Tico, Lauking diz que a sua integração não foi difícil, porquanto todos os jogadores dos Mambas têm estado a ajudá-lo. “Fui muito bem recebido na equipa e todos apoiam-me. Mesmo o Ratifo que não fala português veio ter comigo para perguntar meu nome e prestar seu apoio. Estou feliz com este conjunto”, garantiu o jogador, que somente espera por uma oportunidade para marcar o primeiro golo ao serviço dos Mambas.

Nascido em 1995, Lauking foi descoberto por Antero Cambaco no Desportivo de Nacala e concorre para o prémio de jogador revelação do Moçambola ZAP 2017.

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos