O País – A verdade como notícia

“Mais investimento na extensão agro-pecuária vai dinamizar potencialidades”

Os administradores de Magude e Vanduzi, nas províncias de Maputo e Manica, respectivamente, falaram das potencialidades e dos desafios locais na área do agro-negócio. Destacaram a necessidade de mais investimento na extensão agro-pecuária, esta terça-feira, no painel que discutiu sobre “Desenvolvimento local do agro-negócio”, no segundo dia da segunda edição da MOZGROW.

Magude por exemplo tem enorme potencialidade na criação e comercialização do gado bovino. Lázaro Mbambamba, administrador do distrito, indicou que deve haver mais assistência aos criadores de gado bovino de modo que a carne produzida tenha qualidade desejável.

O Governo projecta alargar a rede de extensionistas e Magude espera incrementar a qualidade que deseja e promover ainda mais a potencialidade do distrito, com eventos como o festival da carne que já organizou por quatro vezes.

Para Mbambamba, o festival da carne é uma marca, uma vez que “prova a dimensão e capacidade que Magude tem” de se comparar com “gigantes” na criação e comercialização bovina, como a África do Sul e Eswatine.

Vanduzi, em Manica, é também outro ponto do país com potencialidades para ampliar o agro-negócio.

O distrito tem registado considerável produção agrícola, mas o administrador, João Amade, considera haver um trabalho que urge realizar: “contínua assistência aos agricultores”, uma vez que a actual rede de extensionistas não permite tal desiderato, pelo número dos que participam na produção agrícola ser vasto.

Assim, os dois administradores foram unânimes que o alargamento da rede de extensionistas que se pretende – com a contratação de mais técnicos – vai dinamizar as potencialidades que seus distritos apresentam.

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos