O País – A verdade como notícia

Mais de 130 sedes de postos administrativos não possuem energia eléctrica

Embora o país produza, há décadas, energia através da Hidroeléctrica de Cahora Bassa e de outras fontes alternativas, muitas famílias moçambicanas continuam a viver sem luz nas suas casas.

Por serem as menos abrangidas pela rede nacional de energia, as zonas rurais já recebem alguma atenção do Governo, segundo assegura o Ministro dos Recursos Minerais e Energia.

“São, ao todo, 135 sedes de postos administrativos ainda sem energia eléctrica e estão em curso em todo o país 21 projectos em fase de implementação”, disse Max Tonela, Ministro dos Recursos Minerais e Energia que falava na sexta-feira no distrito da Massinga, província de Inhambane.

Max Tonela visitou infra-estruturas eléctricas e fez promessas à população sem acesso à energia.

“Na província de Inhambane, das sete sedes dos postos administrativos sem energia eléctrica, quatro serão electrificados por via da extensão da rede eléctrica nacional e três serão abastecidas através de fontes alternativas”, garantiu o Ministro dos Recursos Minerais e Energia.

O alargamento da rede eléctrica é feito no âmbito do programa do Governo Energia para Todos.

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos