O País – A verdade como notícia

Lula recorre ao STF e à ONU para disputar eleições

O ex-presidente brasileiro, Lula da Silva, vai recorrer ao Supremo Tribunal Federal (STF) e à ONU para que possa disputar as eleições presidenciais.

O STF decidiu que Lula da Silva não poderá concorrer às eleições de Outubro por ter sido condenado por corrupção.

Lula criou em 2010 uma legislação que proíbe que se candidatem a cargos públicos os condenados em segunda instância por um tribunal colectivo, como é o seu caso.

Segundo escreveu o Notícias ao Minuto, o ex-estadista brasileiro que lidera todas intenções de voto, alega que foi condenado injustamente e que é alvo de perseguições políticas.

O recurso à ONU visa que a organização se pronuncie sobre a recusa de as autoridades brasileiras acatarem uma determinação do Comité dos Direitos Humanos das Nações Unidas, que pediu ao Brasil que permita ao ex-Presidente Luiz Inácio Lula da Silva exercer todos os seus direitos políticos como candidato enquanto estiver na prisão.

Já o recurso ao Supremo Tribunal Federal, a mais alta instância judicial no Brasil, será para que Lula da Silva possa ter direito a registar a sua candidatura.

Caso os novos recursos sejam rejeitados, o PT só tem até 11 de Setembro para apresentar um novo candidato, que, segundo dirigentes do partido, seria Fernando Haddad.

 

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos