O País – A verdade como notícia

Lucas Gune lidera comissão de gestão da UD Songo

Dois dias depois da renúncia de todos membros de direcção da União Desportiva de Songo, a mesa da Assembleia Geral da colectividade de Songo, decidiu nomear uma comissão de gestão liderada por Lucas Gune.

Esta foi a solução encontrada pelos campeões nacionais para fechar as vacaturas criadas pela saída de José Costa e seu elenco, após demissão de Chiquinho Conde, por incumprimento dos objectivos contratuais, nomeadamente fazer a equipa chegar a fase final da Taça de Moçambique, perdida a favor do Chingale de Tete e a disputa da fase de grupos da Liga dos Campeões africanos, estando agora a jogar na fase de grupos da Taça CAF.

Com esta indicação de Lucas Gune para liderar a comissão de gestão, fica também cancelada a Assembleia geral extraordinária da União Desportiva do Songo, inicialmente marcada para esta sexta-feira, numa das instâncias da vila de Songo.

Esta informação foi através de um comunicado, na qual o Presidente da mesa da assembleia geral dos "hidroeléctricos" refere que “a primeira Assembleia Geral extraordinária marcada para o dia 08 de Junho de 2018, pelas 18 horas, no Self Service, fica cancelada, tendo em vista dar conformidade com o previsto nos estatutos do clube”.

Assim, o clube indica uma nova comissão de gestão liderada por Lucas Eduardo Gune. A comissão de gestão integra ainda os nomes de Pensar José, indicado para Secretário-geral; Fabião Nhampossa, Vice-presidente de infraestruturas; Horácio Massanjane, Vice-presidente financeiro; Viseu Durão, Vice-presidente recreativo e cultural Jeremias Manjate, responsável para o futebol; Conceição Gravata e Tomás Américo, Vogais de direcção.

 

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos