O País – A verdade como notícia

“Locomotivas” e “Canarinhas” jogam pela final na Engen

Amanhã será dia "D" na Engen Maputo Basket. "D", claramente, de decisões. Porquanto, no pavilhão do Desportivo haverá um despique do qual sairá o segundo finalista da Engen Maputo Basket ao nível dos seniores femininos.

Equipa sensação da prova, o Ferroviário de Maputo "B", terá pela frente o Costa do Sol, no terceiro jogo do "play-off" das meias-finais. Em perspectiva, um jogo intenso porquanto nas duas primeiras partidas Costa do Sol e Ferroviário "B" protagonizaram embates de cortar a respiração. Com um leque de jogadoras novas, mas algumas com passagem pela selecção sub-18, o Ferroviário "B" tem sido uma equipa irrepreensível forçando os seus adversários mais experimentados a cometerem muitos erros. Mais: com transições rápidas e penetrações, arrancou esta temporada – sua estreia nas provas internas – duas vitórias diante do Costa do Sol, vice-campeão nacional.

Na noite de amanhã, Leonel "Mabê" Manhique, treinador do Ferroviário "B" irá procurar montar uma equipa agressiva a defender – tal como aconteceu sábado no quarto período do jogo com o Costa do Sol – para contrariar o défice nas posições quatro e cinco. Ofensivamente, Mabê deverá continuar a apostar nas transições rápidas, tiro exterior e penetrações no timing certo para criar os desequilíbrios.  

Ao nível individual, Stefânia "Papelão" Chiziane, Eleutéria "Formiga" Lhavanguane, Delma Zita e Dilma Roldão serão claramente as jogadoras cuja prestação será determinante para que o Ferroviário "B" alcance um resultado favorável.    

Do lado do Costa do Sol, Deolinda Carmen Ngulela tem a missão de fazer compreender as suas jogadoras que precisam defender melhor, girar a bola pacientemente e atacar no timing certo.

De resto, no primeiro jogo do "play-off", notou-se problemas sérios na armação do jogo e notou-se a ausência de uma "shoting guard", ou seja, uma espécie de segunda base que faz os arremessos exteriores.
Para o embate de hoje, o Costa do Sol precisa voltar a fazer funcionar o seu domínio nas posições quatro e cinco, onde Ornília Mulhui e Deolinda Gimo mostraram-se superiores em relação ao Ferroviário "B".

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos