O País – A verdade como notícia

Lançada hoje campanha nacional de vacinação de animais

Iniciou hoje a campanha nacional de vacinação de animais, devendo abranger 80 por cento dos animais do país. A falta desta iniciativa pode causar perdas de 350 milhões de dólares na exportação agro-pecuária. A campanha está orçada em cerca de 600 milhões de meticais desembolsados pelo Governo.

A viagem por estrada, no meio de uma paisagem verde, leva-nos ao local onde mais se cria gado bovino no país, a província de Maputo.

Das 2.2 milhões de cabeças existentes a nível nacional, cerca de 500 mil estão na província de Maputo. Destas cabeças, 602 morreram no ano passado, por doenças que podiam ter sido evitadas.

Para não permitir que os animais morram por doenças evitáveis, foi lançada, este sábado, a campanha de vacinação animal que abrange três grupos que perfazem uma meta de perto de quatro milhões e quinhentos meticais, ou seja, 80 por cento dos animais do país.

A vacinação contra vários tipos de doença visa evitar perdas anuais na economia nacional, em cerca de 350 milhões de dólares provenientes da exportação agro-pecuária; bem como preservar a saúde humana.

A campanha de vacinação serve, igualmente, para impulsionar a produção pecuária no país e o projecto Sustenta.

A campanha de vacinação animal 2020/2021 decorre sob o lema: Pela saúde pública e animal vacine os seus animais.

Refira-se que 80 por cento das vacinas usadas no país são produzidas pelo Instituto de Investigação Agrária de Moçambique.

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos