O País – A verdade como notícia

Jovens contra confinamento geral na Tunísia

Por quatro dias consecutivos, alguns jovens saíram à rua e envolveram-se em confrontos com a polícia, em protesto ao recolher obrigatório de quatro dias imposto pelo governo da Tunísia.

Em Tunes, centenas de jovens atiraram pedras e cocktails Molotov contra as autoridades, sobretudo em Ettadhamen, um bairro situado na periferia da capital, tal como descreve o Notícias ao Minuto.

Para conter as manifestações, as forças de segurança dispararam granadas de gás lacrimogéneo contra os manifestantes.

Em Sfax, segunda cidade mais populosa do país, durante os protestos foram incendiados pneus no meio das ruas.

Durante a noite registaram igualmente confrontos em Gafsa, onde os habitantes se revoltaram contra a proibição dos pontos de venda ambulante.

De acordo com a imprensa local, verificaram-se também alterações da ordem pública em Ket, na zona a norte de Bizert; Kasserine e em Sousse.

O Ministério do Interior da Tunísia, que anunciou na segunda-feira mais de 600 detenções em virtude das manifestações, ainda não forneceu dados referentes a eventuais detidos nas últimas horas.

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos