O País – A verdade como notícia

Joaquim Chissano junta-se ao movimento nacional contra a caça furtiva

O antigo Presidente da República, Joaquim Chissano, defendeu hoje a necessidade de implementação de acções mais criativas, para dar motivação às comunidades, para aderirem a necessidade de proteger o ecossistema.

Joaquim Chissano fez esta exortação nesta quarta-feira, em Maputo, durante o lançamento da campanha contra a caça furtiva, designada “A Caça Furtiva Rouba a Todos Nós”.

“Eu vejo esta campanha como uma forma de criar uma nova cultura, uma nova maneira de ser da nossa população e educar as nossas crianças sobre essas matérias”, disse Chissano.

“O desafio é encontrarmos maneiras de transmitir a mensagem e o seu conteúdo, que faz sentir a população que recebe”, concluiu.

Através do programa “A Caça Furtiva Rouba a Todos Nós”, uma iniciativa do Ministério da Terra, com apoio da organização internacional WILDAID e outros parceiros do sector privado, pretende ser um movimento que, segundo a Ministra da Terra, Ivete Maibaze, tem como finalidade, contribuir “para inculcar na nossa sociedade, particularmente nas gerações mais jovens, uma atitude menos hostil em relação à fauna e flora nacional”.

No seu discurso oficial, alusivo ao lançamento da campanha, a ministra destacou algumas acções em curso na luta contra a caça furtiva e que já tem resultados positivos.

“No período 2014-2019 foram neutralizados 1.782 infractores, mais de 9.000 garimpeiros e madeireiros ilegais, desactivadas e removidas 30.916 armadilhas de mola e cabo, confiscadas 476 armas de fogo de diversos calibres, tendo sido simultaneamente confiscados, entre outros “troféus”, 4.394 kg de marfim e 190 Kg de cornos de rinocerontes” disse a ministra.

Ainda assim, Ivete Maibaze destacou que as medidas administrativas, por si só, não podem acabar com a caça furtiva no país, e depositou confiança no programa ontem lançado, como parte do contributo neste sentido.

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos