O País – A verdade como notícia

INE revela que a economia nacional cresceu 2.16% em 2021

Foto: Sala de Estudo

A economia nacional cresceu 2.16% no ano passado, mesmo com a pandemia da COVID-19 e o terrorismo no Norte. Segundo o Instituto Nacional de Estatística (INE), a indústria extractiva, hotelaria e restauração foram os sectores que mais cresceram.

É uma reviravolta depois do abrandamento económico de 1.23% registado em 2020, devido à COVID19. Em 2021, a economia nacional começou com um crescimento tímido de 0.12% no primeiro trimestre, melhorou para 1.96%, no segundo, seguiu com 3.36%, no terceiro e 3.32% no quarto e último trimestre.

Por isso, em termos cumulativos, segundo o mais recente relatório sobre Contas Nacionais do INE, a economia de Moçambique deu um salto de 2.16% em 2021, conforme previa o Governo. De Outubro a Dezembro, o sector primário foi o que mais contribuiu.

“O desempenho da actividade económica no quarto trimestre de 2021 é atribuído em primeiro lugar ao sector primário que cresceu em 4.61%, com maior destaque para o ramo da Indústria de Extracção Mineira com uma variação de 6.86%, seguido pelo ramo da Agricultura, Pecuária, Caça, Silvicultura, Exploração Florestal com cerca de 4.11%”.

Segundo o INE, ainda no quarto trimestre de 2021, os ramos da Agricultura, Pecuária, Caça, Silvicultura, Exploração Florestal e Actividades relacionadas tiveram maior participação na economia, com o peso conjunto no PIB de 18.67% seguido pelo ramo de Comércio e Serviços de Reparação com 10.60%.

Para o presente ano, 2022, as perspectivas do Executivo, segundo as projecções do Plano Económico e Social e Orçamento do Estado, apontam para um crescimento económico de 2,9%, apesar das incertezas ligadas a desastres naturais, COVID-19 e instabilidade militar no Norte e Centro do país.

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos