O País – A verdade como notícia

Indivíduo detido por cobrar dinheiro para admissão na USAID

Um indivíduo foi preso no distrito de Morrumbala, na Zambézia, acusado de burla. O mesmo apresentava-se como coordenador de um projecto de pesquisa, extensão e supervisão de construção de centros de saúde.  

Contratou mais de 100 jovens para trabalhar no projecto, que dizia ser financiado pela USAID.

Os 100 jovens pagaram valores que variam de 15 a 30 mil meticais. O indiciado utilizava logotipo e carimbo da USAID para dar credibilidade ao seu projecto.

A USAID já emitiu um comunicado a distanciar-se da acção do suposto burlador.

 

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos