O País – A verdade como notícia

Homem encontrado morto na cidade de Maputo

Um Jovem de aparentemente 30 anos de idade foi encontrado sem vida, na madrugada desta quarta-feira, no porta-malas de um carro, num estaleiro de produção de blocos na cidade de Maputo.

Um jovem que era visto por todos, quando fazia pequenos trabalhos como carregar sacos, os que faziam compras no mercado 01 de Junho na cidade de Maputo e foram as mesmas pessoas que, na manhã desta quarta-feira, encontraram-no morto na bagageira de uma camioneta estacionada num estaleiro arredores. Ninguém sabe das reais causas da sua morte, mas testemunhas contaram ao “O País” que uma doença consumia o malogrado e deixou-o debilitado.

“O problema é que ele não ia ao hospital e com o agravante de continuar a consumir bebidas alcoólicas. Ele recusava-se a ir ao hospital. Ontem, uma vez que estava num estado grave, simulou ir à unidade sanitária por volta das 15h e desapareceu. Esta manhã encontrámo-lo sem vida, na bagageira do carro”, contou Jordão Nguenha, trabalhador do estaleiro onde foi encontrado o corpo da vítima.

Nunca se teve um diagnóstico da doença que o consumia, mas algumas testemunhas fazem uma ideia. “Não podia dizer que conhecia outra enfermidade. O que lhe fez perder a vida foi, certamente, asma porque ele estava mal, muito mal”, sublinhou Manuel Foquisso, proprietário do estaleiro.

Não se sabe, ao certo, o que terá causado a morte do homem de, aparentemente, 30 anos de idade e muito menos da sua proveniência ou familiares. “Não sei nada dele. Só o conheço de vista porque é uma pessoa que trabalhava com as pessoas, mas desconheço a família”, disse Crimilda Cumaio, residente arredores do mercado 01 de Junho.

Testemunhas disseram, igualmente, que o homem pode ter perdido a vida devido ao frio. Na zona do Mercado 1 de Junho, há muitas pessoas sem-abrigo e expostas as intempéries.

 

 

 

 

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos