O País – A verdade como notícia

Heroína em edifício ocupado por insurgentes suscita novas possíveis causas do conflito em Cabo Delgado

Foto: DW

Segundo escreve a DW, o facto de os militares terem encontrado cerca de 30 quilogramas de heroína num edifício, que se presume que estava sob controlo dos insurgentes em Cabo Delgado, abre uma nova página no capítulo das interpretações sobre as reais causas do conflito que deixou em escombros alguns distritos da província que acolhe o maior investimento de gás natural liquefeito do país.

Se num passado recente se suspeitava que a causa do conflito podia ser a questão da falta de clareza e de equidade na redistribuição da riqueza proveniente dos projectos de gás, agora o escritório da ONU para a Droga e Crime Organizado aponta o controlo do tráfico como uma das razões do conflito na província.

Escreve a DW que as autoridades moçambicanas suspeitam da presença de redes de tráfico de drogas em Cabo Delgado. Em Junho, a Polícia apreendeu mais de 400 quilos de heroína em Quelimane, na província da Zambézia, parte de um total de 250 quilos de estupefacientes incinerados no sábado em Pemba.  Segundo a DW, em apenas um ano, as autoridades da Justiça incineraram quase uma tonelada de droga em Cabo Delgado.

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos