O País – A verdade como notícia

Hélder Martins apela à calma em relação ao COVID-19

O antigo ministro da Saúde, Hélder Martins, diz que a confirmação da existência do COVID-19 em Moçambique não deve deixar as pessoas em pânico, pois este pode ser pior que a própria doença

 “O coronavírus é uma doença ligeira”, garante o antigo governante e apela: “Não entrem em pânico, não há razão para isso”, nem se deve disseminar “notícias falsas”.

Questionado se estaria surpreso com o anúncio do primeiro doente diagnosticado com Coronavírus no país, Hélder Martins respondeu negativamente, justificando que a pandemia tem vindo a propagar-se pelo mundo e Moçambique é um dos últimos países.

Na sua perspectiva, o importante, neste momento, é que o Governo tem vindo a tomar medidas para conter a propagação da doença. “Devemos respeitar essas medidas sem pânico (…)”.

Para Hélder Martins, a sua rapidez com que o COVID-19 se propaga é que propicia o contágio de muita gente em pouco tempo, daí que “uma das medidas importantes”, já anunciadas pelas autoridades de saúde, é o rastreio de pessoas suspeitas de terem a doença.

Neste contexto, o antigo ministro da Saúde apela à sociedade a reforçar a higiene e haja maior cuidado com as crianças, uma vez que que durante as brincadeiras, em grupos, elas libertam gotículas de saliva, através das quais uma pessoa infectada transmite o vírus aos demais.

Hélder Martins recomenda o banimento de saídas de crianças de casa para a rua e visitas aos familiares, até que a situação esteja controlada.

E aconselha às famílias a evitarem compras em conjunto, devendo ir uma pessoas de cada vez.

Uso das máscaras não serve para a protecção. Não se deve gastar máscaras que serão necessárias para outras pessoas.

 “Não devemos usar máscaras”, sem estar doente, porque só neste caso impedem que o enfermo contamine as pessoas ao seu redor. “Só devem usar máscaras as profissionais de saúde ou pessoas com suspeitas da doença”.

Hélder Martins esclarece que o Coronavírus pode entrar no corpo humano pela boca, pelos olhos e outros órgãos.

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos