O País – A verdade como notícia

Há cada vez mais mulheres nas lideranças comunitárias em Maputo

Foto: O País

Já é possível encontrar mulheres ocupando cargos de secretárias de bairro nos Distritos Municipais de Kamavota e KaMubukwana, apesar de estarem representadas de forma tímida. Lomelino Matavel, vereador de Kamavota, dá nota positiva à liderança das mulheres daquele distrito.

A valorização da mulher na sua singularidade, bem como na sua complexidade exige que se recusem a aceitar os factores sócio-culturais que ditam a discriminação. Por muito tempo, a mulher foi vista como um ser destinado à procriação, ao lar e sem direito à decisão, colocando-a em situação de desvantagem em relação aos homens.

Ao longo do tempo, ela foi conquistando o seu espaço na sociedade. A níveis distritais, nas estruturas administrativas municipais, já é possível encontrar mulheres a ocuparem cargos de secretárias de bairros.

O Distrito Municipal de KaMubukwana é o mais populoso a nível da capital e com maior número de bairros constituídos por 14 secretários, dos quais seis são mulheres.

Helena Gertrudes é uma das seis secretárias do Distrito KaMubukwana e a primeira mulher a ocupar o cargo de secretária a nível do Bairro 25 de Junho “A”. “Desafios não faltam e encontramos muitas dificuldades, mas estamos atrás dessas dificuldades para poder superar e ultrapassar”, disse Helena Gertrudes.

Questionada sobre a participação feminina nas lideranças comunitárias, diz que as mulheres nunca negam de assumir responsabilidades e que elas são determinadas.

Celestino Sitoe, secretário do bairro Malhazine, diz que a fraca participação feminina nas lideranças comunitárias, deve-se ao facto de ela ter herdado os usos e costumes do passado, mas a nova geração já percebeu que é necessário todos fazerem o mesmo trabalho sem distinção do género.

No Distrito Municipal de Kamavota, também podemos encontrar mulheres na liderança comunitária. Aqui a participação feminina ainda é de forma tímida. Apenas 40% das mulheres ocupam cargos de liderança. O Distrito tem 11 bairros com igual número de secretários de bairros, dos quais 4 são mulheres.

Maria Conceição é uma das quatro secretárias do Distrito de Kamavota, ela lidera o bairro de Mahotas: é sempre uma honra trabalhar e servir o povo. Não há barreiras que a mulher não consiga ultrapassar.

O secretário do bairro Ferroviário, Armindo Machanguana, diz que tem sido uma preocupação local ver mulheres enquadradas na direção administrativa, para aquelas que se manifestam e com capacidade para dirigir um determinado órgão têm oportunidade.

O vereador do Distrito Municipal de Kamavota, Lomelino Matavel, diz que uma vista ou um pensamento feminino faz muita diferença, pois, a mulher já leva consigo certos atributos desde a família e quando chega na componente da liderança acaba conciliando as coisas. As mulheres têm boa capacidade de organizar, discutir e propor soluções para os problemas que a urbe apresenta.

Lomelino Matavel faz uma análise positiva de lideranças das mulheres naquela urbe, pois na situação em que a mulher é envolvida seja na liderança ou em movimentos associativos a sua liderança é notória.

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos