O País – A verdade como notícia

Há adesão considerável aos postos de vacinação contra COVID-19 em Maputo

Foto: O País

O segundo dia da administração da segunda dose da vacina VeroCell foi marcado, às primeiras horas, por ligeira afluência dos munícipes em alguns postos de vacinação da cidade de Maputo, embora com abertura tardia de um e outro posto.

O Governo pretende imunizar, contra a COVID-19, cerca de 17 milhões de pessoas com mais de 15 anos de idade até finais de 2022. E, neste momento, decorre, em todo o país, a administração da segunda dose da vacina VeroCell. No campo de Zixaxa, bairro Chamanculo “D”, muitos utentes chegaram cedo para vacinar, mas o posto não abriu pontualmente às 8h conforme o previsto.

Angélica Mafumo estava na fila desde cedo e esperava estar na lista das primeiras pessoas a serem administradas a segunda dose da vacina contra a COVID-19, mas tal não aconteceu conforme o previsto. “Não abriram ainda o posto, tomei a primeira dose, estou assim à espera para tomar a segunda”, disse uma senhora que se encontrava no meio de uma fila no campo de Zixaxa.

Já no chamado “Campinho”, bairro Mafalala, o posto ali instalado abriu e começou a vacinar às 8h. Havia afluência de utentes e os técnicos administravam cuidadosamente a segunda dose, o que gerava a satisfação dos já imunizados. Julieta Mavota, residente em Mafalala, foi um dos vários cidadãos que muito cedo se deslocaram ao “Campinho” e conseguiu tomar a vacina, estando, pois, feliz por se sentir protegida contra a COVID-19. Quem também foi inoculado é Artur Consolo que também manifestou satisfação com o decurso do processo.

Vão tomar a segunda dose da vacina pessoas com idade igual ou superior a 50 anos, professores, transportadores, cobradores, combatentes da luta de libertação nacional, funcionários e agentes do Estado.

Na cidade de Maputo, serão vacinadas 141 463 pessoas.

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos