O País – A verdade como notícia

Graduados preocupados com entrada no mercado do trabalho

O salão nobre da mais antiga Universidade do País, UEM, foi pequeno para acolher a segunda cerimónia de graduação, deste ano, de 805 estudantes de diversos cursos. Além dos estudantes, o evento juntou docentes, pais e encarregados de edução, familiares e amigos, assim como a vice-ministra da Ciência e Tecnologia, Ensino Superior e Técnico Profissional, Leda Hugo.

Embora tenham adquirido o diploma de licenciatura, mestrado e doutoramento, os graduados mostram-se preocupados e apontam a entrada ao mercado do trabalho como um grande desafio.

Entre os graduados dois são estrangeiros, um são-tomense e outro de Timor Leste. Do número global, 758 são licenciados, 46 mestrados e apenas uma doutorada em linguística.

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos