O País – A verdade como notícia

Governo procura formas de reduzir custos de tratamento de cajueiros

O Governo está a procurar formas de reduzir custos de tratamento de cajueiros,

Anualmente são desembolsados mais de cem milhões de meticais para aquisição de químicos e pulverização das plantas.

A produção de castanha de caju em Moçambique é um negócio rentável, mas os produtores ainda não estão em condições de fazer o tratamento de cajueiros, sem apoio do governo, devido ao alto custo dos químicos para o combate a doenças e pragas.

Para reduzir os custos, o Instituto Nacional do Caju, está a procura de alternativas que possam ser sustentáveis para os produtores.

Entretanto, apesar dos custos de tratamento de cajueiros serem considerados caros, os produtores estão a ganhar muito dinheiro com a venda da castanha de caju.
“O produto químico é subsidiado a 100 por cento, sendo que os produtores apenas pagam os serviços, cerca de 50 meticais por cajueiro. Um cajueiro bem tratado pode produzir 15 quilos”, informou Luciano Nanlelo, Produtor de castanha de caju, Cabo Delgado

Este ano, o governo, através do INCAJU, vai desembolsar cerca de 100 milhões de meticais para aquisição de químicos e pulverização de cerca de 5 milhões de cajueiros em todo país, segundo dados avançados no lançamento da campanha nacional de tratamento químico de cajueiros, que iniciou oficialmente este mês.

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos