O País – A verdade como notícia

Governo injecta USD de 50 milhões na produção pesqueira

O Executivo abriu os cordões à bolsa e alocou pelo menos 50 milhões de dólares ao sector pesqueiro para estimular a produção, revelou, este sábado, a ministra do Mar, Águas Interiores e Pescas, Augusta Maíta.

A governante, que se encontra na Zambézia a trabalho, visitou a empresa Aquapesca, vocacionada para a produção de camarão.

Na ocasião, Augusta Maíta disse que o Governo Central quer dinâmica na indústria pesqueira, particularmente na produção do camarão e do peixe tilapia.

“Iniciámos um diálogo com as entidades no ano passado, para percebermos, efectivamente, aquilo que estão a fazer para dinamizar a indústria de aquacultura no país”, afirmou a Augusta Maíta, esclarecendo que os 50 milhões de dólares a que se referiu já estão disponíveis. Contudo, para ter acesso ao fundo, as empresas do ramo pesqueiro “precisam de se estruturar e organizar”.

Na sua alocução, Augusta Maíta disse que o valor não é suficiente para estimular o sector. Por isso, prosseguiu a ministra, o Governo continua a mobilizar mais recursos junto dos parceiros.

A Aquapesca espera produzir perto de 250 toneladas de camarão este ano. Opera no marcado nacional desde 1994 e já investiu pelo menos cinco milhões de dólares.

Ainda da Zambézia, Augusta Maíta inaugurou um mercado para comercialização de peixe.

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos