O País – A verdade como notícia

Governo de Gaza prevê para breve conclusão da cidadela de Nwahamuza em Chibuto

A descoberta de areias pesadas no distrito de Chibuto, em Gaza, criou muita expectativa em relação ao impacto da exploração daquele recurso naquela província, tida como uma das mais pobres do país. Com o início das actividades, o Governo provincial garante que está para breve a conclusão de todos os empreendimentos prometidos à população abrangida pelo projecto que explora uma área de 10.544 hectares. “Temos a cidadela de Nwahamuza, que é um espaço onde temos 486 casas de tipo três, construídas para as populações reassentadas.

Estamos a falar de pessoas que saíram de habitações precárias e passaram para habitações convencionais com água e luz. Além das casas, temos construída uma igreja, um posto policial, uma escola e uma unidade sanitária. Entretanto, a escola ainda não inauguramos, mas nos primeiros meses deste ano, teremos a cidadela com todas as instalações a funcionar na plenitude. Isso inclui o sistema de abastecimento de água que além de alimentar a cidadela, vai reforçar o abastecimento a vila do distrito”, garantiu Stela Zeca, governadora de Gaza.

A governante fez saber que mais do que dar habitação, o projecto está a empregar jovens. “Os reassentados têm garantias de emprego no projecto a um membro da família. Só em 2018 cerca de 1000 jovens tiveram a oportunidade de ter o seu primeiro emprego, isso dentro do projecto. Significa que estamos a aprimorar a cultura do trabalho. Para nós é a primeira experiência, temos estado a aprender a cada dia. A maior parte desses jovens – devido a fase actual do projecto – estão na área de construção e estamos a garantir com que esses jovens sejam capacitados para que tenham competências suficientes quando começar a explicação efectiva do recurso”, detalhou a governadora.

Segundo o governo provincial, o projecto de areias pesadas de Chibuto está causar impactos para além da área de exploração. Um dos exemplos é do complexo comercial construído na vila municipal e que foi inaugurado em Outubro passado, pelo presidente da República Filipe Nyusi.

Lembre-se que o projecto de areias pesadas de Chibuto dispõe do maior jazigo mundial, sendo que as pesquisas apontam para um total de 2 660 milhões de toneladas de matéria-prima existe dentro da área de concessão. 

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos