O País – A verdade como notícia

FUNDASO promove reflexão sobre transformação da produção familiar e nutricional na MOZGROW

A segunda edição da MOZGROW é promovida numa altura em que dados das Nações Unidas apontam que, no mundo, cerca de 14 por cento dos alimentos produzidos são perdidos após a colheita e antes de chegarem aos consumidores. Ao mesmo tempo, mais de 40 por cento das crianças moçambicanas sofrem a desnutrição crónica. O assunto será reflectido na plataforma de agro-negócio organizado pela FUNDASO.

A directora executiva da organização privada que actua em áreas de interesse público com enfoque no desenvolvimento sustentável, Balbina Inroga, explica as razões da escolha do lema deste ano.

“A MOZGROW, na sua primeira edição, teve o foco voltado para a questão do agro-negócio em todas as cadeias de valor. Para este ano, decidimos trazer aqui uma forte componente que é a educação alimentar e nutricional, daí o alinhamento com o Dia Mundial da Alimentação (16 de Outubro). Também porque o agro-negócio é, por excelência, uma actividade fundamental para a produção, disponibilidade e acessibilidade dos alimentos, juntamos toda esta cadeia e vamos trazer aqui um foco na educação alimentar e nutricional”, explanou a directora executiva da FUNDASO, Balbina Inroga.

O lema para este ano da MOZGROW é: Produzir, Valorizar, Nutrir e Preservar. Devido às limitações impostas pela pandemia da COVID-19, o evento será transmitido através da televisão, assim como através de plataformas digitais e terá diversos participantes.

“Contamos com a participação de intervenientes nacionais e internacionais que irão partilhar suas experiências sobre os caminhos para a transformação estrutural da produção familiar, integrando-as em cadeias de valor estratégicas e contribuindo, desta forma, para o aumento da produção e para uma produção sustentável dos alimentos, bem como para o aumento do rendimento familiar e para a segurança alimentar no país”, sublinhou Balbina Inroga.

Para participar, esclarece Inroga, os interessados poderão enviar suas questões através das plataformas que serão usadas para a transmissão do evento, nomeadamente, o Facebook do jornal “O País” e da MOZGROW, os aplicativos STV Play e da FUNDASO, assim como o Instagram da MOZGROW.

Para a presente edição está também preparada uma programação especial de uma semana que inclui a exibição de reportagens, entrevistas e debates em plataformas digitais e no canal STV Notícias.

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos