O País – A verdade como notícia

Funcionários da AT condenados por corrupção em Inhambane

Trata-se de sete funcionários da Autoridade Tributária de Moçambique e um contabilista por conta própria acusados de engendrarem um esquema que lesou o Estado em mais de 12 milhões de meticais.

O esquema começou a ser executado em Maio de 2016 e consistia em desviar para fins próprios, dinheiro que era destinado ao pagamento de impostos nas repartições da Autoridade Tributária em Inhassoro e Vilankulo.

Os referidos funcionários e contabilista foram acusados pelos crimes de peculato e falsificação de documentos autênticos e foram condenados a penas que vão  de um a 14 anos de prisão maior.

 

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos