O País – A verdade como notícia

Fome aumenta em 2020 e atinge 10 por cento da população mundial

A Organização das Nações Unidas (ONU) lamentou, na segunda-feira, o “agravamento dramático” da fome mundial em 2020, devido à pandemia da COVID-19, e pediu milhares de milhões de dólares para combater a desnutrição.

De acordo com um relatório lavrado pela agremiação, a fome ultrapassou o crescimento populacional em 2020, com cerca de 10 por cento da população mundial considerada subnutrida.

O referido relatório diz, igualmente, que o grosso aumento da fome ocorreu em África, onde 21 por cento das pessoas estão subnutridas.

Por seu turno, o Secretário-geral da agremiação, António Guterres, referiu que os novos “dados trágicos” revelam que entre 720 milhões e 811 milhões de pessoas passaram fome no ano passado, quase 161 milhões a mais do que em 2019.

Segundo escreve a DW, mais de 2,3 mil milhões de pessoas, o que representa 30 por cento da população global, não tiveram acesso à alimentação adequada durante o ano.

Os relatores concluem que “em 2020, a fome disparou em termos absolutos e proporcionais, ultrapassando o crescimento populacional”. O documento acrescenta que cerca de 9,9 por cento da população mundial foi considerada desnutrida no ano passado, em comparação com 8,4 por cento em 2019.

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos