O País – A verdade como notícia

Ferroviário da Beira conquista primeiro ponto na fase de grupos da “Champions”

Depois da derrota na primeira jornada da fase de grupos da Liga dos Campeões Africanos, exigia-se muito do Ferroviário da Beira, daí que o público respondeu ao convite para apoiar a equipa campeã nacional.
E foi mesmo a equipa moçambicana a dispor da primeira situação de golo, com Dayo, em boa posição, mas a ver o seu remate sair frouxo e ao lado. Na resposta, o Al Hilal esteve perto do golo, mas o remate de Ahmed Bashir saiu ao lado.

Enquanto o Ferroviário da Beira procurava espaços para chegar à baliza contrária, os sudaneses saiam em contra ataques que criavam calafrios aos moçambicanos.

Só em bolas paradas os “locomotivas” criavam perigo, como num lance em que Maninho cabeceia por cima ao livre de Thomas. No final da primeira parte foi novamente Dayo a ver seu remate sair por cima da baliza.

Na segunda parte, o campeão nacional acreditou que podia sair com outro resultado e mais uma vez Dayo, em boa posição, falhou no toque final, quando já se gritava golo.

E depois foi preciso esperar até ao minuto 83 para ver jogada de perigo, com Mudather a estremecer a defensiva locomotiva.
Ao apagar das luzes foi Andro a proporcionar uma excelente defesa ao guarda-redes contrário, num livre com selo de golo.

Era o final do jogo que dá o primeiro ponto a equipa moçambicana na fase de grupos da liga dos campeões.

 

 

 

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos