O País – A verdade como notícia

Falta transporte público na Katembe

Na última quarta-feira utentes que vivem na Katembe protestaram através de um vídeo amador contra a falta de transporte público que lhes leve as suas residências, facto que lhes obrigou a percorrer mais de três quilómetros da ponte a pé. Entretanto, David Simango quando abordado sobre o assunto disse que era um fenómeno natural.

“Primeiro dizer que introduzimos novas linhas com a abertura da ponte e é natural que uma abertura dessas crie uma perturbação em algum lado. É preciso ter em conta que na Katembe o transporte estava ligado ao ferry boat e com a inauguração da ponte o paradigma mudou. O que posso assegurar é que estamos a dialogar para encontrar o melhor caminho” disse o edil de Maputo.

Enquanto continua o diálogo, os utentes não tem outra solução se não continuar a percorrer a ponte a pé contra todos os riscos porque o transporte público rodoviário assim como o marítimo terminam a circulação as 21 horas.

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos