O País – A verdade como notícia

Ex-assessor da ministra da Justiça condenado a 11 meses de prisão

O Tribunal Judicial do Distrito Municipal Kampfumo condenou, esta sexta-feira, o ex-assessor da ministra da justiça a uma pena de onze meses de prisão convertidos em multa correspondente a seis por cento do salário mínimo pagos diariamente.

Trata-se de Luís Cezerilo, que foi acusado de abuso de funções e por prestar falsas declarações diante de entidades públicas.

O réu teria concedido um visto de entrada ao Brasil a Eunice Temba, por sinal sua amiga há mais de 20 anos, como sendo técnica superior do Serviço Nacional Penitenciário, que pretendia realizar uma viagem de estudos e troca de experiências naquele país. Ou seja, Eunice Temba viajou com todas despesas pagas com o valor do Estado.

Insatisfeito com a sentença, Luís Cezerilo diz que vai recorrer da decisão pois considera infundados os argumentos invocados pelo tribunal para dar o veredicto final pelo que Luís Cezerilo vai recorrer da decisão.

 

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos