O País – A verdade como notícia

EUA retiram milhões de doses da vacina Johnson & Johnson de circulação

A Agência de medicamentos dos Estados Unidos da América (EUA) mandou descartar milhões de vacinas contra COVID-19, da Johnson & Johnson, após detectar problemas na fábrica em Baltimore.

Estima-se que 60 milhões de doses tenham sido descartadas, segundo The New York Times.

Entretanto, de acordo com o Notícias ao Minuto, a entidade responsável pelos medicamentos naquele país disse que dois lotes daquela fábrica foram autorizados o seu uso. Trata-se, segundo a imprensa norte-americana, de 10 milhões de doses que terão sido salvas.

Segundo Kathy Wengel, responsável da farmacêutica, “a decisão representa um progresso nos nossos esforços contínuos para fazer a diferença nesta pandemia a uma escala global e agradecemos a estreita colaboração com a FDA e as autoridades de saúde globais”.

A Agência de medicamentos dos EUA realçou, ainda, que, neste momento, não é possível autorizar a produção na fábrica Emergent Biosolutions, em Baltimore, apesar dos trabalhos com a empresa e a farmacêutica nesse sentido.

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos