O País – A verdade como notícia

EUA anunciam assistência imediata de USD 1,6 milhões para recuperação pós-ciclone Gombe

Foto: Embaixada dos EUA em Moçambique

O Governo dos Estados Unidos da América (EUA), através da Agência dos Estados Unidos para o Desenvolvimento Internacional (USAID), está a prestar assistência humanitária adicional às pessoas afectadas pelo ciclone tropical Gombe.

Segundo a USAID, até à data, as chuvas torrenciais e os ventos fortes da tempestade afectaram mais de 736.000 pessoas, resultaram em 68 mortos e 108 feridos, e causaram danos significativos em habitações, culturas e infra-estruturas.

De acordo com o Instituto Nacional de Gestão e Redução do Risco de Desastres (INGD), o ciclone afectou mais intensamente as províncias de Nampula, Zambézia e Sofala.

“O ciclone Gombe causou danos enormes a comunidades inteiras no centro e norte de Moçambique”, disse Peter H. Vrooman, embaixador dos EUA em Moçambique, que reitera que o Governo do seu país mantém o seu compromisso de apoiar os necessitados com assistência humanitária, para que possam restabelecer-se com dignidade.

O ciclone Gombe destruiu mais de 78.000 casas e danificou 69 centros de saúde e mais de 2.250 salas de aula.  Além disso, a tempestade afectou os sistemas de abastecimento de electricidade e água e inundou mais de 1.000 km de estradas e mais de 90.000 hectares de culturas.  Esta destruição isolou algumas comunidades e complicou ainda mais o acesso aos serviços essenciais e à assistência humanitária.

A USAID estabeleceu uma parceria com a CARE International para fornecimento de abrigo e água, saneamento e assistência higiénica (WASH) de emergência para apoiar as pessoas afectadas pelas tempestades na província de Nampula.  Por sua vez, a CARE irá distribuir kits WASH, que incluem artigos para tratamento de água, sabão e artigos de higiene de emergência, como desinfectante de mãos, máscaras e lixívia.

Esta assistência totaliza USD 1,6 milhões e, adicionalmente, a USAID está a apoiar a Organização Internacional para as Migrações (OIM) no fornecimento de artigos não alimentares, tais como lonas, coberturas plásticas e kits de abrigo em áreas afectadas pelo ciclone Gombe no Centro e Norte de Moçambique.

Outros parceiros de assistência humanitária, tais como a Food for the Hungry, estão a utilizar os seus actuais recursos fornecidos pelo Governo dos EUA para responder às necessidades de abrigo e água nas áreas afectadas em toda a região.

Desde Janeiro de 2021, os EUA forneceram mais de USD 92 milhões em assistência humanitária a várias comunidades em todo o país, como forma de apoiá-las na recuperação pós-desastres naturais e outras crises sociais.

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos