O País – A verdade como notícia

ETM suspende 140 trabalhadores

Foram suspensos 140 trabalhadores da Empresa Municipal de Transportes Públicos da Matola (ETM), no âmbito da reestruturação daquela empresa. Segundo o administrador da Empresa de Transporte da Matola, Eliado Jossias são necessários trinta milhões de meticais para a indemnização dos funcionários implicados.

A medida veio depois da última visita efectuada àquela empresa pelo ministro dos Transportes e Comunicações, Carlos Mesquita, onde constatou que a mesma reunia um número elevado de trabalhadores para o número de autocarros a operar. No âmbito desta reestruturação a companhia de transporte decidiu suspender 140 funcionários.

"Redimensionamos a mão-de-obra, suspendemos 140 trabalhadores e ficamos com 147, neste momento vamos nos focalizar na rentabilização da empresa através das suas infra-estruturas", comentou Eliado Jossias, administrador da Empresa de Transportes públicos da Matola.

Questionado sobre a proveniência do valor para indeminização dos trabalhadores implicados, orçado em trinta milhões de meticais, o administrador da ETM referiu que neste momento a mesma está à procura de apoio para o pagamento dos trabalhadores.

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos