O País – A verdade como notícia

Equipas do Moçambola passeiam sua classe

As formações do Maxaquene, Liga Desportiva de Maputo, Costa do Sol (?) e 1.º de Maio de Quelimane que militam no Moçambola Zap, edição 2017, passearam a sua classe nas partidas da 2.ª eliminatória da Taça de Moçambique, ao nível provincial. Com estas vitórias, essas equipas transitam à fase nacional, onde o sorteio pode colocar frente-a-frente equipas do mesmo escalão.

Costa do Sol e Maxaquene sofrem

Ao nível da cidade de Maputo, a Liga Desportiva de Maputo teve uma passagem tranquila à fase nacional ao receber e vencer, no seu campo, o Matchedje de Maputo, numa partida de grande nível. Telinho, com a sua veia goleadora, marcou os dois golos que deram a vitória a turma da Liga Desportiva de Maputo.

As outras duas equipas do Moçambola Zap já qualificadas à fase nacional desta segunda maior competição futebolística do país, a Taça de Moçambique, nomeadamente o Maxaquene e o Costa do Sol, tiveram que suar as estopinhas para garantirem a passagem.

O Maxaquene foi a primeira equipa a garantir a passagem à fase nacional, na terça-feira, ao derrotar o Estrela Vermelha por 3-1, resultado encontrado no prolongamento. É que os “tricolores” ainda se adiantaram no marcador por intermédio de Bruno, na primeira parte, mas os “alaranjados” restabeleceram a igualdade aos 82 minutos, por Mundinho, forçando ao prolongamento. Só mesmo na segunda parte do prolongamento é que Bruno e Tobias conseguiram colocar o Maxaquene na fase nacional da Taça de Moçambique.

A outra equipa que teve que ir ao prolongamento para passar à fase nacional foi o Costa do Sol, ontem, diante do Desportivo de Maputo. No tempo regulamentar, os “alvi-negros” estiveram duas vezes em vantagem, até quase no final do jogo, Chico – defesa do Costa do Sol – restabeleceu a igualdade e forçou o tempo extra. Foi nessa altura que Mbulu, aos 106 minutos, desfez o empate, mas obrigou o “canário” a se fechar em copas na sua zona defensiva, para conseguir a vitória. É que o Desportivo de Maputo fez de tudo para não sair derrotado e valorizou a vitória “canarinha”.

O Ferroviário de Maputo, outra equipa da capital do país que está no Moçambola Zap, só joga na próxima semana a eliminatória desta fase provincial, diante do Águias Especiais de Maputo, num jogo marcado para o Estádio da Machava.
Finalmente o Vulcano de Maputo afastou a turma do Nacional, também de Maputo, ao vencer por uma bola sem resposta.

Primeiro de Maio de Quelimane também no “nacional”

Outra equipa que já garantiu a passagem à fase nacional é o 1.º de Maio de Quelimane,  que na finalíssima do “provincial” derrotou o rival, Sporting, também de Quelimane, por três bolas sem resposta. Foi uma vitória fácil para a turma do 1.º de Maio, que apenas teve que gerir o jogo, perante um adversário que pouco fez para justificar outro resultado. Aliás, este jogo foi realizado semana passada.

As outras províncias vão realizar as finais para encontrar os representantes locais à fase nacional da Taça de Moçambique, que terá o seu sorteio marcado para a próxima terça-feira, na sede da Federação Moçambicana de Futebol.

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos