O País – A verdade como notícia

Elcídio Bila debate sobre livros “no Brasil”  

O jornalista, escritor e editor participa, quinta-feira, num debate sobre “Pré-venda e lançamento”, no evento brasileiro “Do verso ao impresso”, via online.

 

Às 19 horas de quinta-feira, Elcídio Bila irá participar de uma conversa subordinada ao tema “Pré-venda e lançamento”, no âmbito de um ciclo de debates designado “Do Verso ao Impresso”, realizado no Brasil.

De acordo com uma nota de imprensa, a mesa redonda em que participará Elcídio Bila, essencialmente, irá buscar a experiência de Moçambique no que concerne ao trabalho editorial alternativo, tendo como exemplo a actividade que o editor despende há quase 10 anos na editora de livros de cartão reaproveitado Kuvaninga Cartão d’Arte.

Citado na nota de imprensa, Bila defende que mais do que uma oportunidade para expor a sua experiência em assuntos editoriais, o convite do Brasil é mais uma porta para exportar a essência de uma edição alternativa ou, até certo ponto, marginal, com todas as dificuldades e limitações envolvidas e, acima de tudo, mostrar o quão é resiliente o projecto Kuvaninga. “Dificilmente estarei a falar do processo de pré-venda e lançamento de livro sem mencionar a experiência da Kuvaninga, a única que me permite falar com prioridade, e será em torno dessa actividade que irá circular a minha comunicação, enquanto uma forma alternativa de disponibilizar o livro, primeiro pelo seu processo criativo e segundo pelo facto de usar caminhos que não são propriamente comuns se comparando com as editoras convencionais”, lê-se a afirmação do editor da Kuvaninga, na nota de imprensa.

No debate sobre livros, Elcídio Bila prevê interagir com 20 artistas brasileiros e um moçambicano, Ivandro Sigaval, que irá moderar a conversa com Patrícia Meira, subordinada ao tema “Editora X Autor”. A conversa pretende discutir a relação que a editora mantém com o autor; como funciona a divisão de direito autoral e o papel do autor na comunicação com a gráfica.

“Do verso ao impresso”, lê-se na nota de imprensa, é um pretexto para instruir aos editores independentes e novos autores sobre o processo de edição, lançamento e distribuição dos livros. A curadoria do evento convidou escritores e artistas independentes que tenham ou não livro publicado, de modo que partilhem seus percursos, suas dúvidas, indecisões e desafios sobre este processo burocrático que inibe várias pessoas de lançar a sua obra literária. A iniciativa é  organizada pelo colectivo Slam DiVersos, grupo formado por poetas, escritores, dançarinos, actores e cineastas, com o apoio da Prefeitura de São Paulo e a Secretaria Municipal de Cultura, através do projecto Bibliotecas Online.

A conversa com Elcídio Bila será moderada pela actriz e produtora cultural brasileira Patrícia Muniz. A sessão pode ser acompanhada nas páginas do Facebook do Slam Diversos e da Biblioteca Sylvia Orthof.

Elcídio Bila é jornalista, escritor, editor e activista cultural, colaborando, actualmente, com a plataforma crossmedia designada Entre Aspas, sob gestão da Tindziva – Comunicação & Ideias. É membro e co-fundador da Kuvaninga cartão d’arte e director de Programas da Associação Cultural NkaringanArte. Publicou, em 2013, Xiphefu, seu primeiro livro de contos, e conta com publicações de notícias e crónicas em jornais e revistas nacionais e internacionais.

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos