O País – A verdade como notícia

Ejaita e Dje mantêm perseguição sem tréguas

Fotos: Black Bulls

O nigeriano Ejaita, da Black Bulls, e o moçambicano Dje, do Ferroviário de Lichinga, destacam-se na frente da lista dos melhores marcadores, após apontarem um golo cada um, nesta jornada. Milagre, em sentido contrário, marcou na própria baliza, após fífia de Stefane, guarda-redes do Desportivo Maputo.

A 21ª jornada do Moçambola 2021 produziu 14 golos, com destaque para o embate entre Uniao Desportiva de Songo e Ferroviário de Lichinga, que teve cinco golos, seguido d Matchedje de Mocuba vs Incomáti de Xinavane, que teve três golos, todos apontados pelos “militares”. Outro dado curioso é que todas partidas tiveram, pelo menos, um golo.

Ejaita voltou a marcar pela sua equipa, a Black Bulls, na vitória diante da Liga Desportiva de Maputo, que ditou a consolidação da liderança na prova. Mas também fez o nigeriano destacar-se ainda mais na lista dos goleadores, agora com 15 remates certeiros, estando a apenas cinco golos de ser distinguido, com direito a prémio, como o artilheiro do campeonato nacional.

Quem não quer deixar fugir o nigeriano é o moçambicano Dje, que também apontou na derrota da sua equipa, o Ferroviário de Lichinga, na deslocação a Songo, por 3-2. Dje desgruda, assim, de Dayo, passando a somar 11 golos, a quatro da liderança. Destaque, ainda nesta partida de Songo, para Dário, dos “hidroeléctricos”, que marcou dois golos, adicionados a outros dois que já tinha apontado, totalizando agora quatro remates certeiros.

Lau king também facturou e chega já aos oito golos, ainda assim longe dos lugares cimeiros.

Outros jogadores que marcaram nesta jornada foram Parkim (passa a somar três golos) e Beto Maravilha (já conta com dois golos), ambos da Associação Desportiva de Vilankulo, João, do Ferroviário da Beira, Mendonça, Saasi e Joaquim, todos do Matchedje de Mocuba, Vivaldo, do Ferroviário de Lichinga, e Wemba, do Ferroviário de Nacala, todos eles que que se estreiam a marcar nesta edição do Moçambola.

Milagre também marcou, mas na própria baliza, fazendo o quarto auto-golo do Moçambola-2021.

15 Golos: Ejaita (Associação Black Bulls)

11 Golos: Dje (Ferroviário de Lichinga)

10 Golos: Dayo (Ferroviário da Beira)

8 Golos: Henriques (Desportivo de Maputo/UD Songo), Lau King (UD de Songo)

7 Golos: Melque (Associação Black Bulls),

6 Golos: Telinho (Costa do Sol), Marcel (Ferroviário de Maputo)

5 Golos: Salas (Ferroviário de Nampula),

4 Golos: Valdo Muhiha (Ferroviário de Nampula), Jongwe e Jafete (AD Vilankulo), Turras (Liga Desp. Maputo/Ferroviário de Nacala), Soares (ABB/Fer. Nacala), Hammed, Fidel, Victor (Associação Black Bulls), Valter (Fer. Lichinga), Dilson (Liga Desp. de Maputo),

3 Golos: Mafaite (Ferroviário da Beira), Kito (Ferroviário de Maputo), Domingos, Parkim (AD de Vilankulo), Zacarias (Ferroviário de Lichinga), Eládio (Liga Desp. de Maputo), Mathause (Incomati), Stephen (Costa do Sol), Shelton (Ferroviário de Nacala), Valter (AD Vilankulo), Fabrice (Fer. Beira), Samito (Textáfrica), Mutong (Fer. Maputo/Fer. Beira), Dário (UD Songo),

2 Golos: Touré (Ferroviário de Nacala), Victor, Beto Maravilha (AD de Vilankulo), Estevão (Liga Desp. de Maputo), Mendonça, Luís (Matchedje de Mocuba), Sidique (UD Songo), Danilo e Nuno (Textáfrica do Chimoio), Dinheiro (Incomati), Nilton, Raymond – queniano, Mário (Costa do Sol), Dinis, Orlando (Desp. Maputo/Fer. Nacala), Raul (Fer. Maputo)

 

ESTREANTES A MARCAR

João (Fer. Beira), Sassi, Joaquim (Matchedje de Mocuba), Vivaldo (Fer. Lichinga), Wemba (Fer. Nacala)

Auto-golo: Milagre (Desportivo Maputo)

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos