O País – A verdade como notícia

Economia moçambicana deverá manter-se sem grandes alterações este ano

De acordo com um relatório da Economist Intelligence Unit (EIU) a economia de Moçambique deverá manter-se sem grandes alterações em 2019. A taxa do Produto Interno Bruto perde 10 pontos base em relação a 2018.

As dificuldades no acesso ao crédito por parte dos produtores agrícolas continuará a impedir a capacidade de crescimento deste sector e a quebra dos preços internacionais do carvão vão representar um travão a novos investimentos na exploração mineira, escreve o jornal online Macauhub.

A Economist Intelligence Unit diz no seu relatório que os travões para o desenvolvimento do país são os problemas financeiros bem como o elevado montante de pagamentos em atraso por parte do governo.

Ainda de acordo com o Macauhub, o relatório recorda a existência de um excesso de oferta no mercado mundial de gás natural e que os materiais para a construção das infra-estruturas necessárias para a extracção e processamento do gás natural terão de ser importados na sua quase totalidade, pelo que o impacto na economia do país será limitado.

No entanto, o início da extracção de gás no campo Coral Sul, previsto para 2023, fará com que a previsão de crescimento económico nesse ano cresça já para uma taxa de 7,5%, se bem que a influência deste projecto no resto do tecido económico, através da prestação de serviços, deva vir a ser muito limitado.

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos