O País – A verdade como notícia

Dje bisa e está a dois golos da liderança dos artilheiros

Foto: O País

O avançado do Ferroviário de Lichinga apontou dois golos na vitória da sua equipa diante do Desportivo Maputo e já soma 13 golos, estando a dois golos do líder dos melhores marcadores, Ejaita, da Black Bulls, que nesta jornada ficou em branco. Salas, do Ferroviário de Nampula, Jafete, da Associação Desportiva de Vilankulo, e Estevão, da Liga Desportiva de Maputo, são outros destaques desta jornada.

Em mais uma jornada do Moçambola 2021, a 22ª, os sete jogos disputados produziram 12 golos, menos dois do que os apontados na última jornada, e mais um golo em relação aos marcados na 20ª jornada.

Com Ejaita a sair em branco na partida entre o Textáfrica de Chimoio e a Associação Black Bulls, quem aproveitou foi Dje, avançado dos “locomotivas” de Lichinga, que bisou na derrota imposta ao Desportivo Maputo, por 3-0, e aproximou-se do topo da lista dos melhores marcadores.

Dje, que entrou para esta jornada com 11 remates certeiros, marcou dois e já conta com 13, estando apenas a dois golos de alcançar o líder dos artilheiros, Ejaita, da Black Bulls. Dje Pascoal Manuel Buzana até podia estar apenas a um golo, não fosse a grande penalidade desperdiçada no jogo deste domingo.

O moçambicano, ao serviço do Ferroviário de Lichinga, já balançou as redes do Matchedje de Mocuba por três vezes, na sexta jornada, da União Desportiva de Songo por duas vezes, na 8ª e 21ª jornadas, do Desportivo Maputo, por três vezes, sendo uma vez na 9ª jornada e outras duas vezes nesta 22ª jornada, do Ferroviário de Nacala, na 10ª jornada, uma vez à Black Bulls (11ª jornada), e outra à Liga Desportiva de Maputo.

Nascido a 22 de Novembro de 1994, já com 26 anos de idade, o jogador que foi formado pelo Ferroviário da Beira, clube com o qual chegou à alta competição em 2014 e 2015, e com passagens pelo Têxtil de Púnguè (2016 a 2018) e Maxaquene, em 2019, trabalha para chegar ao topo dos melhores marcadores e, quiçá, seja chamado à selecção nacional de futebol, os Mambas.

 

JAFETE, SALAS E ESTEVÃO TAMBÉM MARCAM

Outros dos destaques desta jornada são os jogadores do Ferroviário de Nampula, Salas, da Associação Desportiva de Vilankulo, Jafete, da Liga Desportiva de Maputo, Estevão, que também fizeram o gosto ao pé.

Salas, ponta-de-lança do Ferroviário de Nampula, fez o seu sexto golo na temporada, ao fazer o golo da vitória diante do Matchedje de Mocuba. Salas alcança, assim, Telinho, do Costa do Sol, e Marcel, do Ferroviário de Maputo, que ficaram em branco.

Já Jafete, da Associação Desportiva de Vilankulo, desgrudou-se do grupo dos jogadores que tinham quatro golos à entrada desta jornada e isolou-se com cinco golos apontados, estando com mais dois golos em relação a Estevão, da Liga Desportiva de Maputo, que fez o seu terceiro jogo na competição, no empate entre os “hidrocarbonetos” e os “muçulmanos”.

Magaba, que vai completar 41 anos de idade em Dezembro próximo, continua a dar o ar da sua graça e, diante do Desportivo Maputo, fez o seu segundo golo ao serviço dos “locomotivas” de Lichinga. O jogador, que conta com larga experiência no Moçambola, com passagens pelo Costa do Sol, Chingale de Tete e Textáfrica do Chimoio, tem estado a ajudar a sua equipa a alcançar os seus objectivos, nomeadamente da manutenção tranquila, ora atingido, bem como ocupar os lugares cimeiros, estando agora na 5ª posição.

Stephen, médio do Costa do Sol, também marcou e deu vitória à sua equipa, fazendo o seu quarto remate certeiro na temporada.

Quem também marcou o seu segundo golo na época 2021 do Moçambola são os jogadores Andro, do Incomáti de Xinavane, que marcou à sua antiga equipa, o Ferroviário de Maputo, bem como Heldinho, da Black Bulls, que evitou a derrota da sua equipa na Soalpo.

Já Bhéu, da União Desportiva de Songo, que marcou no empate diante do Ferroviário da Beira, e Asten, do Textáfrica do Chimoio, que também marcou no empate dos “fabris” diante dos “touros”, estrearam-se a marcar na prova, enquanto Agenor fez o seu primeiro auto-golo na temporada, mas o quinto apontado por um jogador na própria baliza.

 

15 GOLOS: Ejaita (Associação Black Bulls)

13 Golos: Dje (Ferroviário de Lichinga)

10 Golos: Dayo (Ferroviário da Beira)

8 GOLOS: Henriques (Desportivo de Maputo/UD Songo), Lau King (UD de Songo)

7 GOLOS: Melque (Associação Black Bulls),

6 GOLOS: Telinho (Costa do Sol), Salas (Ferroviário de Nampula), Marcel (Ferroviário de Maputo)

5 GOLOS: Jafete (AD Vilankulo),

4 GOLOS: Valdo Muhiha (Ferroviário de Nampula), Jongwe (AD Vilankulo), Turras (Liga Desp. Maputo/Ferroviário de Nacala), Soares (ABB/Fer. Nacala), Hammed, Fidel, Victor (Associação Black Bulls), Valter (Fer. Lichinga), Dilson (Liga Desp. de Maputo), Stephen (Costa do Sol),

3 GOLOS: Mafaite (Ferroviário da Beira), Kito (Ferroviário de Maputo), Domingos, Parkim (AD de Vilankulo), Zacarias (Ferroviário de Lichinga), Eládio (Liga Desp. de Maputo), Mathause (Incomati), Shelton (Ferroviário de Nacala), Valter (AD Vilankulo), Fabrice (Fer. Beira), Samito (Textáfrica), Mutong (Fer. Maputo/Fer. Beira), Dário (UD Songo), Estevão (Liga Desp. de Maputo), Magaba (Fer. Lichinga)

2 GOLOS: Touré (Ferroviário de Nacala), Victor, Beto Maravilha (AD de Vilankulo), Mendonça, Luís (Matchedje de Mocuba), Sidique (UD Songo), Danilo e Nuno (Textáfrica do Chimoio), Dinheiro, Andro (Incomati), Nilton, Raymond – queniano, Mário (Costa do Sol), Dinis, Orlando (Desp. Maputo/Fer. Nacala), Raul (Fer. Maputo), Heldinho (ABB)

 

ESTREANTES A MARCAR

Asten (Textáfrica), Bhéu (UD Songo)

Auto-golo: Agenor (US Songo)

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos