O País – A verdade como notícia

Divisão de Honra: Desportivo e AD Macuácua em perseguição sem tréguas

O campeonato nacional da Divisão de Honra, a “segundona”, continua ao rubro, em todas regiões do país. Na zona sul, a luta continua titânica entre o Desportivo de Maputo e a Associação Desportiva de Macuácua, separados por apenas um ponto no topo da tabela classificativa. Os “alvi-negros”, que somam seis vitórias, um empate e igual número de derrotas, em oito jogos, são líderes, com 19 pontos, depois de ter cedido empate diante do Clube da Manhiça a duas bolas. Já a AD Macuácua, que ainda não perdeu nesta competição, recebeu e venceu as Águias especiais de Maputo por duas bolas sem resposta.

No derby de Gaza, o Ferroviário derrotou o Clube local por duas bolas sem resposta, pulando para a terceira posição, agora com 14 pontos. O Ntumbuluko da Moamba continua de mal a pior e vai cimentando a sua condição de lanterna vermelha, após mais derrota, desta feita diante da ESFA de Boane, a tangente. A turma de Moamba soma três pontos em 8 jogos.

Já no centro do país, o nulo no derby de Sofala entre o Têxtil de Púnguè e o Estrela Vermelha da Beira, comprometeu o bom andamento da primeira equipa, que assim deixou-se aproximar pelo Ferroviário de Quelimane, no topo da tabela. Os fabris da Manga seguem em primeiro com 17 pontos, mais um que os “locomotivas” de Quelimane, que nesta jornada 8 golearam o Desportivo de Manica, por 4-0. Mas a luta é bastante renhida que a diferença pontual entre o primeiro e o sexto é de apenas quatro pontos, ou seja, uma vitória e um empate.

No derby de Tete, Chingale venceu o Desportivo por uma bola sem resposta e segue na terceira posição com 15 pontos, a frente da dupla Sporting da Beira e Matchedje de Mocuba, ambos com 14 pontos. Os “leões” da Beira venceram o Sport Dondo e Benfica (1-0) e os “militares” de Mocuba empataram a zero com o Pipeline da Maforga. Já o Desportivo de Tete é último com apenas um ponto.

Baía de Pemba sofre primeira derrota mas mantém liderança isolada

No norte do país, a líder da prova, Baía de Pemba, sofreu a sua primeira derrota, na deslocação à Monapo, diante do Sport Monapo e Benfica, por uma bola sem resposta. Mas, ainda assim, consegue manter a liderança isolada da divisão de honra, com 21 pontos, mais sete que o segundo classificado, o Ferroviário de Lichinga, que foi a Ilha de Moçambique empatar a uma bola com a União Desportiva local. Já o Sport Monapo e Benfica segue na terceira posição com 13 pontos, agora acossado pelo Ferroviário de Pemba, que recebeu e venceu o Angoche Clube dos Desportos por 3-0.

No jogo entre aflitos, a Liga Desportivo de Cuamba recebeu, venceu (1-0) e alcançou o Desportivo de Pemba, agora com sete pontos cada um, estando nas duas últimas posições.

Com estes resultados, prevê-se uma ponta final ainda mais emocionante em todas regiões do país, com os vencedores ainda a serem incógnitas para a subida ao Moçambola 2019.

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos