O País – A verdade como notícia

Diplomacia americana manifesta preocupação com a eleição em Marromeu

A Embaixada dos Estados Unidos da América (EUA) manifestou hoje inquietação com a eleição na autarquia de Marromeu. Com base em informações de observadores eleitorais independentes, que dão conta de existência de arbitrariedades durante o apuramento da votação de 22 de Novembro, a representação da diplomacia de Washington emitiu uma declaração onde expressa a sua preocupação.

“A Embaixada dos Estados Unidos da América leva muito a sério as questões levantadas por vários observadores eleitorais independentes relativos ao desenrolar da repetição parcial da eleição municipal de Marromeu de 22 de Novembro” refere o comunicado que tivemos acesso.

“Estamos seriamente preocupados que as irregularidades reportadas a seguir ao processo de contagem em Marromeu irão ensombrar a corrida eleitoral no seu todo, e recomendamos a aplicação integral dos mecanismos legais existentes para resolver a situação de maneira que assegure confiança no sistema eleitoral do país” exorta o comunicado, salientando que “contamos que estas instituições cumpram com as suas responsabilidades.”

Aquela embaixada recorda que “uma democracia sólida e estável depende dum processo eleitoral que é consistentemente transparente, justo e legítimo” e deixa um apelo para as autoridades nacionais.

“Apelamos a todas as partes envolvidas a rever com a devida celeridade as regras e procedimentos eleitorais em torno da elegibilidade do candidato, contagem de votos e a resolução de disputas com a perspectiva de implementar reformas que aumentem a transparência e legitimação em torno destes processos chave.  Adoptar estas medidas vai ser essencial enquanto Moçambique se prepara para as eleições nacionais em 2019.”
 

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos