O País – A verdade como notícia

Dhlakama alertou membros da Renamo para projectarem seu substituto

Nos finais do mês de Setembro do ano passado, aquando da realização da reunião da Comissão Política Nacional da Renamo, alargada a diversos quadros, na região de Satungira, na serra da Gorongosa, Afonso Dhlakama alertou os membros do seu partido para projectarem um sucessor.   

“Os meus anos estão a terminar. Então, preciso daqueles que me irão substituir e não serei eu a indicar um amigo ou um sobrinho para o efeito. Não. Este não é o poder do régulo Mangunde. O meu pai é régulo. Quando o meu pai morrer, um dos meus irmãos ou um dos meus filhos vai o substituir. Agora, o poder político cabe a Renamo. Não vejam Dhlakama como uma pedra. E se eu morrer hoje?”, perguntou o líder da Renamo há oito meses.
Na mesma altura, Dhlakama disse aos membros do seu partido que nunca a guerra acaba com matanças, daí a necessidade de se negociar a paz por via do diálogo. “Se pegarmos em bazucas e partirmos para matar todos os membros da Frelimo, eles fogem para o mato e investem  na guerrilha. Mesmo sem o apoio da população, vão impedir o nosso governo. Se calhar, depois disso, possam vencer a Renamo e nós voltamos a fazer a mesma coisa que eles. Para que isso não aconteça, é importante encontrar as soluções daquilo que sempre provoca o desentendimento. O diálogo não tem prazo e nem calendário. Vai continuar”, afirmou o Dhlakama.  

No princípio da noite de ontem, a sede da Delegação Política da Renamo, ao nível da cidade da Beira, localizada no bairro da Munhava, foi bastante pequena para acolher centenas de pessoas, entre elas familiares e amigos de Afonso Dhlakama e ainda membros e simpatizantes da perdiz, que se juntaram para orar pela alma do seu presidente.  

Ivone Soares, Chefe da Bancada da Renamo na AR e sobrinha de Afonso Dhlakama, disse que a última vez que falou com tio foi na manhã da passada segunda-feira. Do líder da Renamo soube apenas que ele estava com gripe, até ficar surpreendida com a notícia da sua morte na manhã da última quinta-feira.

 

 

 

 

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos