O País – A verdade como notícia

COVID-19: 10 estados processam Administração Biden por vacinação obrigatória nos EUA

Foto: Notícias ao Minuto

Dez estados norte-americanos entraram, neste sábado, com uma acção judicial com o objectivo de barrar a vacinação obrigatória contra a COVID-19 para funcionários federais, imposto pelo Presidente dos Estados Unidos (EUA), Joe Biden, alegando que a exigência viola é ilegal.

Os procuradores-gerais do Alasca, Arkansas, Iowa, Missouri, Nebrasca, New Hampshire, Dakota do Norte, Dakota do Sul e Wyoming assinaram o processo, que foi aberto num tribunal distrital federal no Estado do Missouri.

Segundo escreve o Notícias ao Minuto, os estados pediram a um juiz federal para bloquear a exigência de Biden de que todos os funcionários de contratantes federais sejam vacinados contra o novo Coronavírus, dizendo que a medida viola a lei federal dos concursos públicos e é um exagero do poder federal.

“Se o Governo federal tentar exercer a sua vontade de forma inconstitucional e forçar os contratantes federais a impor vacinações, a força de trabalho e as empresas podem ser dizimadas, agravando ainda mais a cadeia de fornecimento e a falta de mão-de-obra”, disse o procurador-geral do Missouri, Eric Schmitt, citado pelo Notícias ao Minuto.

Segundo o procurador a a entrada com o processo foi porque a administração Biden não devia exigir que as pessoas fosses vacinadas obrigatoriamente.

Por seu turno, outro procurador-geral republicano de New Hampshire, John Formella, reconheceu a eficácia das vacinas contra a COVID-19, entretanto realçou que os benefícios não justificam a violação da lei.

Recorde-se que a justificação Joe Biden para a tomada da medida foi de que iria ajudar a acabar com a pandemia, mas os republicanos em todo o país opuseram-se aos requisitos de vacinação.

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos